quinta-feira, 15 de março de 2012

Otohematoma em Cães

O hematoma auricular ou otohematoma, é uma afecção comum do aparelho auditivo, ocorrendo com maior frequência em cães com orelhas pendulares, mas podem acometer ocasionalmente cães com orelhas eretas e gatos.
Podemos  definir como  uma coleção de sangue entre a cartilagem auricular e a pele, principalmente na face interna do pavilhão auricular. Na fase aguda temos uma coleção
A cartilagem auricular é formada por muitos foramens, que permitem a passagem de numerosos vasos origináros da grande artéria auricular, o traumatismo rompe essses vasos.
 Aceita-se que a causa primária, seja um traumatismo auto-infligido proveniente da agitação da cabeça, da coçeira e do esfregamento da orelha afetada. Como causa subjacente da irritação do ouvido, temos as otites crônicas e agudas (otite por leveduras, bactérias e sarna), ectoparasitas, corpos estranhos, tumores, pólipos do canal auditivo e brigas.
O tamanho de um otohematoma e a sua consistência são determinadas pela duração do hematoma e pela severidade do traumatismo.
O tratamento é cirúrgico na grande maioria dos casos e também  devemos  tratar e controlar das causas subjacentes.

Caso Clínico - Otohematoma.

Hoje 15/03/2012, atendemos na Doutor de Bicho Veterinária um caso clínico-cirúrgico típico de Otohematoma. A Dana uma Labradora de 2 anos, chegou com a orelha pendular, balançando muito a cabeça e coçando muito.
Com o exame físico, observamos o pavilhão auricular eritematoso e edemaciado, com uma coleção de líquido entre a cartilagem e a pele. O proprietário vem tratando a meses o ouvido sem sucesso, relatando várias recidivas e um prurido intenso.
Com o quadro definido, fomos buscar as causas e com simples exame citológico do ouvido encontramos Malazessia sp. Macroscopicamente, observamos um grande quantidade de cerúmen de coloração amarronzada, saindo do conduto auditivo.
Observamos dermatologicamente, uma pele oleosa e com um cheiro forte, caracterizando  uma seborréia oleosa.
Fizemos um hemograma de rotina, sem nenhuma alteração digna de nota e marcamos a cirúrgia para a parte da tarde. A cirúrgia foi um sucesso, começamos o tratamento para Otite crônica por Malassezia sp. e também o tratamento para controlar a seborréia oleosa.
















Quando a Dana voltar para a revisão, damos notícias. Todos os exames foram feitos na Doutor de Bicho Veterinária.
Colaboração: Dr. Fernanda Vizeu e enfermeiro chefe Alexandre Claudiano.




Postar um comentário