terça-feira, 3 de julho de 2012

Vantagens da Castração de Machos!!!!!!

Existem várias vantagens em se castrar um cão ou gato macho, tentaremos explicar as principais vantagens.
1)  Contribuiu para diminuir a agressividade para com outros machos e as brigas por fêmeas. Ou seja, dois machos que vivem em um mesmo ambiente e em constantes brigas, tendem a diminuir as mesmas ou parar por completo.
2) O ritual da demarcação de território com urina. Aquela coisa chata de urinar nos móveis da casa, na geladeira e em qualquer lugar inapropriado, cessa em 100% no cães castrados.
3)  Diminui a ansiedade e o hábito de fugir.
4)  Para por completo o ato de  montar noutros animais e pessoas ou até na mobília. Para com o ato de montar na perna das pessoas e fazer mímica sexual, também cessa em 100%.
5) Evita tumores testiculares, hérnias perianales, tumores de glândulas hepatóides, tumores de glândulas perianales, tumores e quistes prostáticos. Em muitas casos temos que fazer cirúrgias em cães machos idosos, devido a tumor prostático, onde o risco cirúrgico é bem maior.

Convém salientar que a esterilização não deixa o cão menos ou mais medroso, nem interfere no seu instinto de guarda. A personalidade do animal não muda. Diminui o risco de contraírem doenças venéreas transmitidas pelo ato sexual ou ainda doenças transmitidas por mordidas em eventuais brigas por acasalamento ou domínio de território. Diminui também o risco de atropelamento, por fuga.
Não, vamos privar o animal de ter vida sexual, pois os animais não vivem a sexualidade como os humanos. Para um animal o sexo é apenas o processo físico da reprodução. Como o comer e beber é a garantia da sua sobrevivência individual, o sexo é a garantia da sobrevivência da sua espécie.
Quando sugerimos a castração para um macho, o proprietário masculino tende a “proteger-se” como se fosse sugerida para ele mesmo. É uma reação normal e lógica, mas a decisão de esterilizar um animal é para o seu bem, quer do dono, quer do animal.
O animal castrado, alimentando de rações específicas e com atividades fisícas frequentes não engordará.Um animal que tem uma alimentação inadequada engordará operado ou não.
 Depois da castração só se modificam os comportamentos ligados aos hormônios, como a marcação do território com urina.
A questão de se manter ou não como cão de guarda, depende da herença genética, e não de fatores hormonais. Mas se ele já tem o hábito de cuidar da casa, manterá este instinto.




Postar um comentário